• Bela Pagliosa

Sentimento Minimalista



Você já parou para pensar qual a sensação que te remete ao ouvir a palavra:


MINIMALISMO

Vazio | Bem estar | Frieza | Leveza | Simplicidade


Ao longo das nossas vidas, acumulamos muitas histórias e vivências, mas também muitas coisas, objetos, roupas, sapatos, utensílios, livros e tantos outros acúmulos que "surgem" em nossas vidas.


O fato é que todo esse mundo de coisas que conquistamos, nos pertencerá apenas nessa vida, e podem tornar-se em grandes excessos no futuro.


Mas o que realmente importa? Porque a gente acumula tanta coisa? Como sentir-se livre sem essa responsabilidade de consumo nas costas?


Acredite, tornar-se minimalista, não significa que sua casa não vai ser acolhedora, ou que vai ter poucos móveis e objetos significativos. Esse minimalismo é um ponto extremo, e você não precisa avançar todas as casas do jogo de uma só vez sem apreciar a experiência, avance cada dia uma casa, busque apenas o essencial para a fase da vida que você está vivendo. Você pode ter o suficiente do que é importante para você. Com o tempo, a palavra "Menos é Mais" do arquiteto Mies van der Rohe, acaba por fazer sentido no seu propósito.



Menos é mais


Eu penso que o Minimalismo tem um significado diferente na vida de cada um. Quando você ouvir o chamado para esse despertar, vai sentir a transformação acontecendo no seu hábito diário, pois a energia em torno de si, vai ser bem mais leve e você vai enxergar nitidamente o que lhe traz bem estar. O processo de lapidação pode ser constante, tudo no seu tempo, importante é manter o foco e não abandonar o propósito. Acredite, é libertador!


E falando em libertador, o hábito de desapegar-se, pode te levar além. Todos nós já passamos por momentos na vida, em que sentimos necessidade de mudança, não é mesmo? Eu senti a mudança acontecendo quando um novo projeto de vida tomou forma, saímos, eu e o parceiro, da cidade para morar no mato. E com isso, toda a bagagem que eu carregava para viver na cidade, não era a mesma que eu gostaria e nem poderia, por falta de espaço na vida nova. E lá se foram pares e pares de sapatos, roupas, vestidos, bolsas, objetos... muito daquilo tudo, parecia não fazer mais sentido, doei, troquei, vendi.


Hoje, 9 anos depois da mudança pro mato, morar em uma casa de 50m2 é um desafio constante. Nosso armário de roupas é pequeno e a cada 6 meses fazemos uma limpa do que ficou em desuso. A mudança foi acontecendo. Hoje tenho poucas roupas, poucos sapatos e ainda acumulo alguns objetos, que estão em fase de desapego, tais como os livros e uma caixa de papelaria, catálogos, fotos e afins, que em breve, farão parte do passado.


Ouvir relatos de pessoas que compartilham suas experiências, desperta ainda mais vontade de desapegar, esse é o caminho. A valorização das pequenas e poucas coisas, são muito mais intensas.


Nas hora de comprar, pensar na sustentabilidade, faz muita diferença. Optar por uma marca que se preocupa com o planeta, pode mudar as #pegadasdecarbono que deixamos aqui na terra. (veja aqui dicas para diminuir suas pegadas)


Ser minimalista vai além de consumir menos, é optar pelo consumo consciente.


MINIMALISMO - Técnica ou estilo artístico caracterizado por extrema enxutez, concisão e simplicidade.

Se eu compro um par de sapatos, outro par de sapatos vai ter que sair do armário. Se eu compro 1 peça de roupa, eu tiro três do armário e por aí eu vou seguindo minhas regras de não acumular. Claro que eu posso me presentear vez ou outra, quando vejo algo que me faça sorrir ou que realmente esteja precisando. Mas comprar consciente tem outro resultado, ficamos livre da culpa. Comprar por comprar, fez parte do meu passado, hoje não mais, porque menos é mais.


LIBERTE-SE!

Para entender melhor todo o processo, existe uma infinidade de informações na internet, e no momento eu indiciaria começar por aqui!


(clique nas fotos abaixo para assistir o trailer)





Conte-me, você está disposta (o) a mudar o seu estilo de vida?!



#minimalismo #vidasimples #menosemais #sustentabilidade #pegadadecarbono

#netflix


Posts recentes

Ver tudo